Gizelly volta a falar mal de Babu e Manu o defende “injusto taxa-lo como violento.” Vídeo!

0

Ainda sobre a festa de sexta, esquecemos de postar sobre uma conversa que aconteceu entre Manu e Gizelly, no qual a advogada voltou a falar mal de Babu, como ela havia feito antes para Ivy, dizendo que ele era nojento, falso, vitimista, entre outras coisas mais.

(Foto: Reprodução-TvGlobo)

Só que dessa vez ela escolheu a pessoa errada para destilar seu ódio contra o ator, pois Manu mais uma vez bateu de frente para defender seu companheiro de programa, pois vale lembrar que no ao vivo ela não concordou com as acusações que as meninas estavam fazendo em relação ao brother, taxando ele como violento e agressivo e disse apenas que ele às vezes tinha um “machismo tóxico” mas que sempre se mostrou aberto a ser corrigido e a evoluir.

Manu comentou que conversou com Babu e ele disse que caso um filho dele sofresse agressão na escola, ele iria junto com o filho tentar contornar a situação e ensinar as crianças a resolver no diálogo, pois ele não queria que o filho tivesse a mesma “educação” que ele teve quando criança, pois por morar em comunidade, na maioria das vezes as coisas eram resolvidas no soco infelizmente.

Manu disse: “Às vezes é uma força de expressão, mas é uma coisa que ele não aplica no dia a dia. Se ele contou essa história do filho e falou ‘Eu já fui muito assim, não quero que meu filho seja’. Às vezes o que ele falou foi uma força de expressão, uma masculinidade tóxica. É bizarro, Gi. É errado. Mas eu não acho justo uma pessoa pagar o pato de um homem violento quando ele não é”.

Gizelly não concorda e reafirma que Babu é mentiroso, e diz que ele mentiu no ao vivo, durante o jogo da discórdia quando disse que não faria isso com o Daniel, e apenas se referiu a seu comportamento no passado, pois segundo a advogada ele estava falando do Daniel se referindo a aquele momento, e não de como ele era antigamente, pois ela estava ouvindo toda conversa dele com o Prior e tem certeza do que escutou.

Manu rebateu “Eu não tô falando que ele tá certo. Eu tô falando que essa história foi há muito tempo […] Ninguém passa a mão na cabeça, mas eu acho muito injusto um cara ser taxado de violento, com 3 filhos, sendo que ele fala coisas que não têm nada a ver com isso”.

Veja a conversa