Ivy comenta sobre falas polêmicas dentro do BBB 20 e diz o que faria de diferente. Confira!

0

O jogo acabou para Ivy do “BBB 20”, a modelo refletiu sobre os erros que cometeu dentro de sua casa. Em entrevista à Globo, ela contou que, se tivesse uma segunda chance no programa, teria mais cuidado com o que fala.

“Eu filtraria mais as coisas que eu falo. Pensaria mais antes de falar. Me entregar eu me entregaria da mesma forma porque eu sou assim. Mas eu procuraria ter mais propriedade e conhecimento para falar de algo, justamente para não machucar ninguém lá dentro nem aqui fora”, afirmou.

Ela também relembrou a saída do amigo Daniel, que dividiu com ela casa de vidro e de quem ficou próxima. Ela declarou seu carinho pelo amigo, mas reconheceu que ele — que também foi eliminado com alta rejeição — errou dentro do reality.

Por que Ivy não merece ganhar o BBB20?
(Foto: TV Globo)

“Eu achava – e ainda acho – o Daniel incrível. Acho que ele errou, como todos erram lá dentro, mas a visão que eu tenho dele é outra. Todo mundo precisa conhecer o Dan, ter contato com ele de verdade. Ele é muito intenso, muito verdadeiro, engraçado, uma pessoa simples. Gostei dele e da pureza que ele tem. Por isso a eliminação dele foi difícil para mim”.

Ela também garantiu que tentou explicar para o amigo que ele teve atitudes erradas no jogo: “É complicado porque de dentro do jogo a gente tem outra visão. Aqui de fora eu percebo que eu poderia, sim, ter sido um pouco mais firme com ele com relação às punições, já que nós éramos tão amigos e eu gostava tanto dele. Eu tentava falar, mas com carinho, para não machucá-lo. Só que eu não conseguia ser pulso firme”.

BBB 20': Ivy Moraes é a 14ª eliminada do 'Big Brother Brasil ...
(Foto: TV Globo)

“Quando o Daniel foi eliminado eu já senti que alguma coisa não estava legal. No BBB a sensação é a de uma montanha-russa: uma hora você está lá em cima, outra lá embaixo”.

Ivy também acredita que entrado no reality duas semanas após seu início pode ter atrapalhado. “Algumas pessoas interpretaram, por exemplo, que eu fiquei próxima da Marcela e da Gizelly porque o público da casa de vidro falou para a gente que elas estavam certas no jogo. Também cheguei ao BBB um pouco perdida porque os grupos já estavam formados, eu não me sentia dentro dos assuntos. Afinal, duas semanas, lá dentro, são como dois meses; é muito tempo”, opinou.

Agora, ela diz que está focada mesmo em rever seu filho: “Eu estou com sede de ver meu filho! Estou com muita saudade. Também quero abraçar minha mãe e falar para ela que está tudo bem, porque minha mãe é bem apavorada também, assim como eu [risos]”.