Rafa Kalimann discute com Babu e defende Paula sobre comentários racistas no BBB 19. Vídeo!

0

Rafa mais uma vez desagradou a sua torcida com atitudes inesperadas dentro do programa, como se não bastasse toda a sua equipe votando contra o Babu no paredão anterior, organizando mutirões no twitter fazendo com que muita gente ficasse indignada, hoje foi a própria participante que protagonizou uma discussão com o Babu dentro do programa, ao relembrar os comentários racistas feitos pela Paula, campeã do BBB 19.

Babu afirma que uma pessoa com 20 anos tem total responsabilidade e sabe muito bem sobre seus atos e sobre o que esta se falando “Uma pessoa que passa dos 20 anos de idade, sabe o que pensa” disse o brother, que foi logo cortado por Rafa que discordou “Babu, tem coisa que não!” e ela continua, tentando justificar comentários racistas de Paula com o fato de que ela é uma menina do interior “A menina é la do interior, do interior, do interior. Uma outra cultura”. disse Rafa justificando o RACISMO.

Thelma não aguentou ouvir e também teve que entrar na discussão e lembrar o fato de que a Paula, antes de mais nada, era advogada “Ela é advogada. Não justifica, Rafa. Ela tem que saber o que ela fala” disse Thelma, não convencendo muito sua amiga, que continuou afirmando a sua teoria “Se você for lá hoje na minha cidade que é da cidade do tamanho da dela, você vai encontrar várias advogadas e vários advogados que vão falar várias coisas sem maldade alguma. E não é racista, e nem tem intolerância religiosa, mas pela cultura tá implantando ali, tá enraizado” finalizou Rafa.

Thelma continuou não concordando e disse que Paula deveria ter respeito pelas pessoas e estudado bem o que poderia ser dito, principalmente dentro de um programa de TV.

Depois de Rafa ver que não conseguiu convencer Babu e Thelma, de que os comentários de Paula foram racistas e de perceber que eles são negros e tem todo o direito de se sentir ofendidos, Rafa tenta se justificar dizendo “Em momento algum eu tô concordo ou aceitando os erros dela. Longe disso. Não estou passando a mão nem nada do tipo. É só tentar entender quais todos os outros lados disso tudo, para não criarmos expectativa em cima da vida de outras pessoas e realidade de outras pessoas”.