Léo Dias diz que Anitta se prostituía e que sempre levava uma 3ª pessoa pra cama com Scobby.

0

Depois de Léo Dias prometer que não iria mais citar o nome de Anitta pela milésima vez, ele ainda sim não se conteve, e ao ceder uma entrevista ontem a noite soltou bombas e mais bombas relacionadas a vida da cantora, inclusive envolveu o relacionamento da cantora com o surfista Pedro Scooby, dizendo que toda as vezes que os dois se relacionavam, sempre havia uma terceira pessoa na hora H.

(Foto: Reprodução)

A entrevista foi durante uma live com o jornalista Erlan Bastos, e o Léo afirmou “Tinha um sério problema, a questão da Anitta com o Scooby. Foram raras as vezes em que eles transaram só eles dois. Sempre tinha uma terceira pessoa na relação” se referindo a época que a cantora estava com o surfista.

“Outra pessoa, que eu obviamente não vou citar o nome, estava em um relacionamento curto com ela e ficou em estado de choque no dia em que ela levou um homem para a cama. Ele disse: ‘Que que eu faço com ele? É gay ou é hetero?’. Amor, as pessoas tem de estar preparadas para a Anitta” contou o jornalista, achando que estaria detonado a cantora com as revelações.

Antes da entrevista, pelo twitter, o jornalista já tinha falado sobre a relação de Anitta com Scooby e disse que ela teria passado a ignora-lo da noite pro dia “Eu nunca contei que a primeira vez que o Scobby terminou com a Anitta foi pq, como ela sempre faz, ignora a pessoa no momento que não lhe convém. Scooby deu um tapa na bunda de Anitta e disse: “Quem vc acha que é? Estou aqui na tua casa te comendo há um mês e vc me trata assim?” contou.

Léo Dias ainda revelou que Scooby teria ligado pra ele, dizendo não acreditar em tudo que estava acontecendo, e que segundo ele, era a verdade e demonstrou estar bem chocado com todas essa situação.

Léo Dias ainda acusou Anitta de ter se prostituído no começo da carreira, dizendo que ela chegou até a se relacionar com 8 homens da mesma rádio somente para conseguir sucesso no começo de sua carreira “Ela se relacionou com 6 a 8 pessoas só de uma empresa, desde o motorista, passando pelo locutor e, obviamente, ao presidente da rádio”