Homem armado invade Globo à procura de Renata Vasconcellos e faz repórter de refém. Vídeo!

0

Um homem armado invadiu a sede da Globo, no Jardim Botânico, que fica no Rio de Janeiro, na tarde desta quarta-feira (10) e fez a repórter Marina Araújo como refém. O criminoso seria fã da jornalista Renata Vasconcellos e teria ido até o local por ser aniversário da jornalista, que completa 48 anos.

O sujeito, que não teve sua identidade revelada, teria feito a invasão com uma faca, enquanto fez a repórter Marina Araújo, que passava pelo local no momento, como refém. De acordo com o site NaTelinha, fontes informaram que ele estava alterado e chamava pela jornalista Renata Vasconcellos, âncora do Jornal Nacional. 

Houve muita tensão e fontes confirmaram que o sujeito teria viajado do Espírito Santo para o Rio apenas para encontrar-se com Renata Vasconcellos. Funcionários do da Globo no Jardim Botânico afirmaram que o local tem entrada facilitada, pois qualquer pessoa pode chegar até a catraca, local onde ele teria feito a repórter de refém.

(Foto: Divulgação)

A situação causou pânico em parte dos profissionais que estavam trabalhando no momento e a polícia foi acionada rapidamente. O homem acabou se entregando para os policiais, depois de muita conversa para acalmá-lo. A própria Renata teria aparecido para ajudar na negociação, que foi mediada por Ali Kamel, Diretor Geral de Jornalismo. A repórter não se feriu e foi encaminhada para o ambulatório a fim de receber tratamento psicológico.

Segundo apurou a reportagem, a situação já está resolvida e não afetou o trabalho do jornalismo porque os profissionais estavam em outra área. Funcionários da Globo afirmaram que o caso não parece semelhante a atos políticos contra a emissora, mas sim de um fã de Renata Vasconcellos, num caso que seria semelhante ao de Ana Hickmann, que sofreu tentativa de homicídio por um fã.

Veja o momento: