Mãe detona Ludmilla por ela ter negado um oi para sua filha na igreja: “É apenas uma criança!”

0

Uma mãe fez um desabafo nas redes sociais, que foi publicado pela jornalista Fábia Oliveira do Jornal O Dia, e no desabafo fala como a sua filha, que é apenas uma criança, foi tratada pela cantora Ludmilla quando estava saindo de uma igreja.

(Foto: Reprodução)

A assessoria da cantora antes de mais nada, já emitiu uma nota dizendo que desconhece o que aconteceu e que a cantora não pode se pronunciar por conta de uma recomendação médica, mas vamos aos fatos: Tamiris Moura fez um desabafo em sua rede social contando tudo o que aconteceu com ela e sua filha, quando as duas saiam de uma igreja e encontraram uma cantora muito famosa, sua filha por ser fã, foi correndo pedir um oi e segundo a mãe, não havia ninguém no local e muito menos tumulto, e simplesmente não custava nada dar um oi, mas Ludmilla ignorou a sua filha por já estar dentro do carro, fazendo com que a criança voltasse chorando pra casa e muito frustrada com o que aconteceu, e se perguntando se a Ludmilla era tímida ou se ela não queria falar com ela.

“Ela viu na hora que a pessoa entrou no carro. E como essa pessoa tem uma roupagem peculiar, cabelo diferente e a Nina é super fã, então ela logo percebeu quem era. Só tinha a gente na garagem, zero tumulto. Eu escavava dentro do carro pra tentar tirar (o carro) e a Nina veio até mim e disse: ‘mãe, é a fulana? Eu vi?’ E eu disse que era. Ela falou que queria falar e ainda cantou um trecho da música, porque ela realmente é muito fã. Disse que queria falar com ela e eu falei pra ela ver com o motorista (da Ludmilla). A Nina esmurrou o carro, ficou o tempo todo (batendo) dizendo que queria falar com ela. Eu vi que ela ficou sem graça de negar (o cumprimento à menina)”, disse a mãe, revoltada.

A mãe ficou tão em choque com a reação que não teve coragem nem de mentir pra sua filha quando ela perguntava se a Ludmilla era tímida ou se ela apenas não quis falar com ela: “Eu falei: ‘Nina, ela está dentro do carro. Não vai dar pra você falar agora. Mas, gente, eu fiquei revoltada. Não tinha tumulto, então não tinha porque ela não dar um oi. Eu sei que isso é revolta de mãe, mas esse povo, desculpa, não era ninguém e vira um artista e tem coragem de negar um oi. Cara, é uma criança. A Nina veio chorando pra casa falando: ‘será que ela estava tímida ou ela não queria falar comigo?’ Eu disse que sinceramente não sabia, porque eu não tive nem coragem de mentir pra minha filha e dizer que ela estava tímida. Eu acho isso uma sacanagem. Ela falou assim: ‘mas por que ela não queria falar comigo? Eu só queria dar um oi e um abraço nela’. Fico impressionada como a ingratidão das pessoas ainda me choca”, desabafou.

Ela ficou mais chocada ainda com o fato da cantora estar saindo de uma igreja, pois ela estava saindo da casa de Deus pra depois fazer isso com uma criança: “Eu fico muito impactada em ver as pessoas estarem em um lugar para ouvir de Deus e ouvirem o que eu ouvi, que foi transformador e poderoso pra minha vida. Mas essas pessoas de fato não serem impactadas com isso é antagônico. Você falar de Deus e esquecer do amor ao próximo, sabe? E amor ao próximo é desde o ‘oi’, ‘obrigada’… Ela é tão pequenininha, canta a música (da Ludmilla), meu coração está partido”, finalizou Tamiris, que apesar de não ter dito o nome de Ludmilla no vídeo, deixou claro que se tratava da cantora através de dicas: “Canta funk e pop, é bem famosa e namora uma menina, muito bonita, por sinal”, lamentou.

A assessoria da cantora se pronunciou dizendo que as coisas não foram bem assim, e que Lud não pode falar ainda por recomendações médicas, mas emitiu uma nota com explicações: “Na verdade não foi bem isso que aconteceu… A Ludmilla está há 2 dias sem falar por ordens médicas da fonoaudióloga. As pessoas responsáveis pelo culto sabiam, mas ela nem soube que isso tinha acontecido. Soube agora. Realmente a Luane (irmã da Ludmilla) disse que ela não poderia falar e foi por esse motivo, que como todos sabem, é normal quando se é cantora e se trabalha com a voz”

Confira todo o desabafo da mãe:

Parte 1

Parte 2

Parte 3

Via: Fábia Oliveira (Jornal O Dia)