Publicidade

Ex-ator mirim, Pedro Malta diz que ‘encontrou felicidade em vida sem fama’

Publicidade
Publicidade

Pedro Malta, que ficou conhecido em todo o Brasil pelos seus papéis icônicos em “Coração de Estudante” (2002), “Kubanacan” (2003) e “Começar de Novo” (2004). Afastado da TV desde 2017, quando atuou em “O Rico e o Lázaro”, da Record, o ator diz que “encontrou a felicidade em uma vida sem fama”.

“Me sinto muito realizado com a vida que eu levo hoje. Soube encontrar a felicidade em uma vida que não precisa existir dentro do cenário da fama”, revela em entrevista à Quem.

Pedro Malta, ex-ator mirim, impressiona ao surgir barbudo em foto -  10/11/2017 - UOL TV e Famosos

Atualmente com 26 anos e morando em Recife, Pedro acaba se formar na faculdade de Rádio e TV e lançar o filme “Recife Assombrado”, em que interpreta Vinicius.

Publicidade

“Desejava parar para me dedicar aos estudos e entendi que cursar faculdade aqui em Recife seria a melhor maneira de me integrar novamente à cena cultural local, muito proeminente na produção cinematográfica, algo que amo”, explica.

“Tenho realizado inscrições em editais literários, que costumam exigir uma série de condições na entrega da obra finalizada. Essas atividades desenvolvi em paralelo ao TCC. Então, foi um ano de muita escrita acadêmica, amadora e profissional”, revela o ator que quer lançar seu primeiro livro e, para isso, busca uma editora.

Pedro Malta acerta volta às novelas na Record TV

Pedro diz ainda que gostaria de se aprofundar mais nos bastidores das produções audiovisuais: “Adoraria ter a oportunidade de escrever roteiros para cinema ou novelas. Há muitas histórias a serem contadas e ambos são incríveis canais de comunicação.”

Publicidade

Apesar dos projetos em diferentes áreas, ele esclarece que nunca deixou de atuar.

“Você não deixa de ser por não produzir ou não aparecer tanto quanto antes. Ser ator é algo que tem a ver com a sua essência, em amar a interpretação. No Brasil há esse rótulo do ator bem-sucedido como aquele que está exposto nas grandes vitrines midiáticas. Temos o artista de teatro, o artista circense, o artista de rua… Todos reúnem a capacidade e a disposição para serem classificados como artistas, não apenas aqueles com maior projeção. Não existe ex-ator”, defende.

No mês passado, ele anunciou o noivado com Fernanda Lacerda, sua namorada desde 2018.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Publicidade