• Início
  • Viral
  • Morte de amigo em acidente ‘desmascara’ youtuber que deu tiros contra ‘racista’. Entenda!
Publicidade

Morte de amigo em acidente ‘desmascara’ youtuber que deu tiros contra ‘racista’. Entenda!

Publicidade
Publicidade

Na última semana um vídeo onde um YouTuber aparece atirando contra um suposto vizinho que teria proferido ofensas racista à sua mãe ganhou repercussão na web.

Sucesso-Notredame: série policial produzida e gravada em Paranavaí estreia  no Youtube - Sampaio só Notícias

Derick Silverio, mais conhecido como SilverCop, foi o autor do vídeo que deu o que falar nas redes sociais e ganhou um grande apelo social.

Porém, o caso que denunciava um ato de racismo, ganhou uma trágica reviravolta.

Publicidade

O rapaz que aparece atirando no vídeo, Silverio, dirigia um carro quando teria batido na traseira de um caminhão e um amigo dele, chamado Renato Klein, de 30 anos e que estava no banco ao lado do motorista, acabou vindo a óbito na quinta-feira (7).

A vítima seria o mesmo homem que aparece nas imagens como o alvo dos disparos de Silverio. Ou seja, toda a situação não teria passado de um vídeo armado, já que tanto o motorista quanto a vítima seriam amigos.

A informação de que o alvo dos tiros e Renato são a mesma pessoa surgiu do policial militar Lucas Mourão, também do Paraná. O soldado, que possui um canal no YouTube, divulgou um vídeo em que diz desmascarar Derick. Ele conta que Renato Kleim é o homem confrontado pelo rapaz e que a imagem foi borrada justamente para não mostrar que todo o caso foi produzido.

Publicidade

No conteúdo, o soldado Mourão ainda diz que Derick deu risada no hospital mesmo depois da morte do amigo e desafia o youtuber a mostra as imagens sem censura, para que todos vejam o rosto do suposto racista. Veja abaixo:

Logo que o vídeo com a suposta denúncia de racismo viralizou, a Polícia Civil do Paraná informou que não havia sido acionada para o caso. No entanto, a corporação garantiu que uma investigação apuraria os fatos.

Confira o vídeo nesta reportagem:

Publicidade

Renato era casado, deixa esposa e dois filhos, um de 6 e outro de dois anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Publicidade